VANIO COELHO

Para acessar os textos do livro "Vento Sul - Velho Vento Vagabundo", escolha uma das opções abaixo!

 
 
  • Vanio Coelho

Os lobos nunca choram

Cada vez que começa uma nova legislatura os parlamentares ameaçam introduzir o sistema parlamentarista - aquele em que o Poder Executivo é exercido por um deputado ou senador, indicado pelo Presidente da República e aprovado pelo Congresso. O Primeiro Ministro pode ser destituído desde que perca a confiança do Parlamento. O Presidente da República vira uma Rainha da Inglaterra: reina mas não governa. É interessante comparar o Congresso brasileiro com o Congresso americano, onde fomos buscar o modelo. Sem esquecer que os Estados Unidos são um país rico, que pode gastar 100 bilhões de dólares numa guerra enquanto o Brasil não pode gastar 3 bilhões para equipar suas forças armadas, eis as comparações: Nos Estados Unidos são 2 senadores por Estado com mandatos de 6 anos, aqui são 3 senadores com mandatos de 8 anos; na Câmara Federal são 435 deputados, eleitos a cada 2 anos; aqui são 513 eleitos por quatro anos.


Uma análise do orçamento do Congresso deste ano revela fatos simplesmente assombrosos, para um país pobre como o Brasil: o Congresso vai gastar 3 bilhões e 389 milhões de reais. Ou seja, cada congressista custará R$ 5.705.000,00. Além de receberem o 13º, ainda ganham um 14º, um 15º e um 16º salários, ainda contam com 4,2 mil para telefone e correios, 25 mil como verba de gabinete, 3 mil de auxilio moradia, 4 passagens aéreas para seu Estado de origem, todo mês, além de nomearem como “funcionários de confiança” a mãe que os pariu e mulher que dorme com eles, como declarava, cinicamente, outro dia, um ilustre deputado. Sem esquecer que atrás do aumento salarial dos congressistas (R$ 12.720,00 mensais, fora aqueles penduricalhos) só não vai quem já morreu ou perdeu o Trem da Alegria na Constituinte de 88. É a famosa ISONOMIA, que atrela aos salários de deputados os dos procuradores, juízes e até vereadores. A pergunta que nos angustia é: você daria mais poder a esses políticos, apoiando o parlamentarismo?

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Vento Sul

Eis que surge o vento sul. Ataca por todos os lados, é frio, é grudento, é a prova de casaco, de lareira e de conhaque.

Eternamente Drumond

Alguns versos aqui publicados semana passada foram suficientes para que leitores atentos lembrasse que, vivo, Carlos Drumond de Andrade...

Muito além do rio

Aquelas arcadas eram suntuosas, mas nos pareciam assustadoras no primeiro dia da matrícula;

©2019 by Vanio Coelho. Todos os direitos reservados, de acordo com a legislação em vigor.